Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Curso de Psicologia – Sobral

Área do conteúdo

PSI0017 – PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO II

Justificativa: A disciplina de Psicologia do Desenvolvimento II tem como objeto de estudo as transformações associadas à vida adulta e ao envelhecimento, tomando como base as contribuições da Psicologia do desenvolvimento adulto e da velhice,
numa interface com as abordagens antropológicas e sociológicas. Desse modo, essas transformações incluem aspectos
físicos, cognitivos, emocionais, psicossociais e na sexualidade. Aborda-se o Estatuto do Idoso, as políticas públicas e as
práticas psicológicas direcionadas a esta faixa da população. Tais conteúdos programáticos são indispensáveis à formação do
estudante de psicologia que no seu desempenho profissional fará uso desses conteúdos em campo como a psigerontologia,
psicologia social, da saúde, comunitária, do trabalho e da educação.

Ementa: A longevidade humana à luz dos principais constructos das teorias do ciclo vital e das teorias da Psicologia do
desenvolvimento do adulto e da velhice. Principais mudanças que afetam as estruturas físicas, cognitivas, emocionais,
psicossociais e na sexualidade nesse período da vida. O ciclo vital segundo Erik Erikson e as fases do desenvolvimento e
teorias psicológicas da vida adulta e da velhice. O processo de mudança psicossocial durante o envelhecimento: relações
familiares, sexualidade, sociabilidade, perdas, lutos e morte. Estatuto do Idoso, políticas públicas e as práticas psicológicas
direcionadas a esta faixa da população. O desenvolvimento adulto e do processo de envelhecimento considerando as
contingências e especificidades históricas e culturais e em diferentes condições socio-econômicas.

Objetivos Gerais e Específicos:

  • Compreender as contribuições da Psicologia do Desenvolvimento relativas às especificidades da
    vida adulta e do processo de envelhecimento.
  • Abordar as contribuições de teorias psicológicas sobre a vida adulta e o envelhecimento.
  • Compreender as questões relativas a estes momentos da vida enquanto tarefas desenvolvimentais.
  • Compreender o processo de mudanças biopsicossociais no decorrer da fase adulta e do envelhecimento, no que tange
    às alterações subjetivas, cognitivas, relações familiares, sexualidade, sociabilidade, além de abordar os processos de
    perda, luto e morte como parte do ciclo vital.
  • Desconstruir noções de velhice como inutilidade e negatividade, bem como, afirmar concepções positivas da velhice e
    as possibilidades do idoso.
Acessar Ir para o topo